3.6.07

O [percepções] não morreu. Evoluiu.
A capacidade técnica adquirida nos dois últimos anos foi decisiva para criar uma versão 2.0.
Há traços do programa que se mantém, fazem parte da minha assinatura sonora. Outros, foram arquivados.
No entanto que fique bem claro, a nova semi-caixa de Pandora a que chamei de “O Cubo” é um futuro orgulhoso do passado.
Tem arestas limpas, vértices claros, e garanto que, quem imaginar um cubo limitado a 6 faces vai ficar desapontado.
É um tubo de ensaio que vai crescer para dentro e, também, para fora.
É Rubik em n X n.
O Cubo começa aqui: http://ocubo.net
26.5.07




Tudo o que tem um principio também tem um fim.
O [percepções] termina este Domingo.
Desde a primeira percepção tinha traçado que a última seria lançada em direcção ao infintu. Fico feliz por ter alcançado este objectivo.
A 58 minutos do fim quero agradecer a todos os que me acompanharam nesta jornada: aqueles que estiveram do outro lado do transístor e, claro, à RUM.
Até de repente


percepção #122: infinitu, para ti.


23.5.07




percepção #121: câmara quente
20.5.07

percepção #120: do circulo com vista para o fim
13.5.07

percepção #119: ausência e ar
6.5.07

percepção #118: eixo enquadrado
29.4.07

percepção #117: sono. sono. sono...
22.4.07

percepção #116: à margem com sol
15.4.07

percepção #115: mergulho volátil
7.4.07

percepção #114: sem fios
17.3.07

percepção #113: sete palmos
15.3.07
_simples iii

six feet under
2000 - 2005
_simples ii

- há simplesmente morte. ponto final.
- concordo.
- não me falem de merdas existencialistas, por favor. nem místicas.
- nada de religião.
- perdemos. sofremos. continuamos.
- um dia vamos parar... nesse dia ficarei feliz se tiver alguém que me ame.
- acho que no fundo é isso que também quero...
13.3.07
_simples

- às vezes as coisas correm bem...
- acho que tens razão. um pouco de optimismo faz bem.
- não! não estou a ser optimista. os optimistas são idiotas. estava a pensar em termos probabilísticos.
- não sejas idiota...
11.3.07

percepção #112: ambivalente
6.3.07

percepção #111: colapso ou seda
27.2.07

percepção #110: sensibilidade iceberg
20.2.07

percepção #109: consultadoria mímica
12.2.07

percepção #108: resisto logo repito
7.2.07

percepção #107: risco logo repito
28.1.07

percepção #106: tranquilo, aqui, hoje...
26.1.07

blog em actualização até ao fim da semana!
23.1.07

percepcão #105: avatar
16.1.07
_reconstrução tímida

explicação rápida para a minha ausência desde o inicio do ano: o disco rígido do meu portátil queimou... tinha alguns backups. só alguns. lentamente estou a tentar reconstruir e recuperar informação perdida...

download :: percepção #104: 3600 reconstrução tímida
10.1.07

percepção #103: a oeste de hoje
1.1.07

download :: percepção #102: 3600 segundos depois
25.12.06

percepção #101: embrião
18.12.06
_agradecimentos

agradecimento #1, ao Francisco.

agradecimento #2, à Time.
17.12.06



download :: percepção #100

100 [ideias]

100 [momentos]

100 [ensaios]

100 [horas]

100 [percepções]

[com] dedicação

[com] amor

[com] rum

_balanço

no inicio, o [percepções] foi pensado para ser fechado e limitado no tempo. bem ou mal prolongou-se. a pedido do meu amigo Rui, director de programas da RUM, continuou na nova grelha com uma condição: na Primavera irá dar lugar a um novo programa, uma espécie de versão 2.0.
o novo formato está quase desenhado. até lá, o [percepções], segue em velocidade de cruzeiro, sempre com o infini[tu] como destino.


obrigado a todos.


10.12.06




percepção #099: repetição
7.12.06
_há 2 mil anos atrás...

O Mecanismo de Anticitera, resultado do engenho dos gregos antigos, era mais sofisticado tecnologicamente do que qualquer outro sistema inventado por qualquer outra civilização, pelo menos nos mil anos seguintes.

O grupo, liderado por Mike Edmunds e Tony Freeth da Universidade de Cardiff, no País de Gales, utilizou tecnologias de imagem e raio X de alta resolução para estudar os fragmentos remanescentes do mecanismo.

O dispositivo era capaz de calcular movimentos astronómicos com precisão notável, maior do que se supunha até agora. O computador mecânico permitia acompanhar os movimentos da Lua, inclusive recriando a sua órbita irregular, do Sol, de alguns planetas e até prever eclipses.

fonte: diário digital
3.12.06




percepção #098: a caminho de
27.11.06
_philip k. dick

Descoberto romance inédito de Philip K. Dick
Um romance inédito de um dos mestres inquestionáveis da «ficção científica», o norte-americano Philip K.Dick, vai ser publicado em Janeiro do próximo ano, anunciou a Tor Books, citada pelo jornal La Stampa na sua edição online.


fonte: diário digital
_error!

bem, as máquinas tem destas coisas. a minha percepção de hoje, dedicada ao dubstep-intergalático não foi para o ar. em vez disso o nosso sistema repetiu a percepção da semana passada. fica para a próxima semana.
21.11.06



download :: percepção #097: as raízes
_little miss sunshine

o melhor de 2006.
afinal, quem não é freak?
12.11.06

download :: percepção #096: momentos estocásticos
11.11.06
_remember, remember...

... 11th of November.
6.11.06
_darren aronofsky

brevemente: the fountain.

download :: percepção #095: marcha lenta
5.11.06
_fab tree house

This home concept is intended to replace the outdated design solutions at Habitat for Humanity International. Our goal was to propose a method to grow homes from native seeds. This enables these new local dwellings to be a part of an absolutely green community.

1. Composed with 100% living nutrients.
2. Harmonize & embrace growth.
3. Make effective contributions to the ecosystem.
4. Accountable removal of human impacts.
5. Involve arboreal farming & production.
6. Subsume technology within terrestrial environs.
7. Circulate water & metabolic flows symbiotically.
8. Consider the life cycle, from use to disposal.
9. Achieve a fitness with our earthen web of life.


[+]
_macromudanças.

The system incorporates a set of values into the banking system, embodied in Bangladesh by the Sixteen Decisions.

The system is the basis for the microcredit and the self-help group system now at work in over 43 countries. Each group of five individuals are loaned money, but the whole group is denied further credit if one person defaults. This creates economic incentives for the group to act responsibly (such as other members then being able to receive additional loans), increasing Grameen's economic viability.

In a country in which few women may take out loans from large commercial banks, the fact that most (97%) loan recipients are women is an amazing accomplishment. In other areas, Grameen's track record has been equally astonishing, with very high payback rates—over 98 percent. However, according to the Wall Street Journal, a fifth of the bank's loans were more than a year overdue in 2001.[4] More than half of Grameen borrowers in Bangladesh (close to 50 million) have risen out of acute poverty thanks to their loan, as measured by such standards as having all children of school age in school, all household members eating three meals a day, a sanitary toilet, a rainproof house, clean drinking water and the ability to repay a 300 taka-a-week (8 USD) loan.
[+]
_regresso ao passado

memórias da minha tsf, "Como no Cinema".
4.11.06
_upgrade

actualização em curso e novas funcionalidades introduzidas no blog.
28.10.06

download :: percepção #094: esqueleto narrativo
21.10.06

download :: percepção #093: persefone
14.10.06

download :: percepção #092: sonda mnemónica
9.10.06

download :: percepção #091: infecção
7.10.06

download :: percepção #090: vírus
23.9.06

download :: percepção #089: caranguejo rebuçado
16.9.06

download :: percepção #088: doce tédio
2.9.06

download :: percepção #086: o toque impermeável
26.8.06




download :: percepção #085: cabeça de silício
10.8.06




download :: percepção #084: noite algodão
5.8.06





download :: percepção #083: 104 Fahrenheit
_michael mann

LENSING MIAMI VICE: THE ALLURE OF HIGH-DEFINITION CAMERAS

"We illuminate Montoya’s operations from the inside. No one has ever tread before where we are now." -Sonny Crockett

Director Mann has become a pioneer in his use and support of high-definition filmmaking. The depth-of-field that HD shooting allows-together with its system for exposing highlights-created a dimensionalized effect for Mann and cinematographer Dion Beebe. Vice would mark a reunion for the two, as they worked together on Mann’s last thriller, Collateral.

For Mann, being able to offer this HD spectacle to the audience is all part of the rush. "I confess, there’s an adventure in doing this," he says. "When people say, ’That’s too difficult, you can’t take camera systems and put them in an offshore power boat and make the cameras work and shoot dialogue scenes at 70 mph in the middle of the ocean,’ you start figuring out how to do just that."

The primary reason for filming in HD is, according to the filmmaker, to allow the audience "to feel how the light hits the water and these people...to feel how saturated and vivid everything you’re looking at becomes."

Beebe notes of filming on location in HD, "You have to respond to your environment a lot. And that can often surprise you, whether it’s the light or a dramatic moment with the sky...some interior or background actions that wouldn’t have happened in a controlled back-lot situation."

Mann both traveled to exotic foreign locations and used every corner of Miami to bring the high-def stickiness, heat, threat and feel of the tropics to this film. Vice relishes the rumbling thunder and sheet lightning that warn of approaching hurricanes as well the explosions of real gunfire and the sick, thick impact of bullets. Beebe knew from his experience on Collateral that what his team was shooting for this film would be very close to what the audience would see on screen. Trying to re-create that signature look in post-production is technologically challenging.

The cinematographer found himself confronted with new obstacles to conquer on his sophomore project with Mann. "Collateral was certainly my first endeavor with HD," Beebe says, "and Michael’s aim was to really push the sensitivity of these cameras shooting at night. Eighty percent of Miami Vice is night work, but the point of departure from Collateral was taking HD into our day work."

Beebe explains that the HD cameras were tested beyond their normal use during the production. "We’re shooting on high-speed racing boats, Ferraris, at sea on freighters, Lear jets and in small airplanes. It’s just been this barrage of activities, and the cameras have taken quite a beating.

"I think they’re still a little bit fragile and essentially designed for studio work," he continues. "But we got through it...although it was a real challenge for our digital crew to keep up." All was forgiven, however, once Beebe took a step back and realized that with this technology he could see "inches in front of my face to infinity."

One curious aspect of shooting with HD technology is its impact on the cast and crew. "It affects the dynamic on the set," offers Beebe. "We’re used to working in film with 10-minute rolls; you stop, reset, reload and start again. But the 50-minute take is a reality now. You have your camera crews repositioning and the props department running. Everything suddenly becomes a lot more fluid because you are not resetting, starting again and cutting."

Noting just how important HD is to getting the feel of his locations just-so, Mann states, "I can bring an audience in and make them feel like, ’I am there. This is happening. I am on this boat at this time of the night or this early in the morning.’"

The cameras, coupled with on-location filming, allow Mann to get the exact emotions he wants to draw from his filmgoers. "You don’t feel the same way in Los Angeles as you do in Miami-because a hurricane is one day away (or just left) and the weather is stormy in the Caribbean."

Revisiting the world Mann created by shooting the feature film Miami Vice was a cathartic experience for all involved, especially the writer/director/producer. He is keenly aware that fighting crime on this level is a gruesome business. With the feature, Mann doesn’t mythologize or glamorize what it’s like to traffic in this world. He makes us come to feel the dread, confusion and isolation of those on the front line.

That fascination with the world of U.C. has led the filmmaker to bring the story of two detectives who begin to forget "which way is up" to worldwide audiences. He offers, "There’s a high, a juice in doing it; that’s what really motivates people who go undercover. It’s that moment when you have put over this fabricated identity, and you’re living it, you’re feeling it and they’re buying it."

Mann concludes, "I’m trying to locate an audience within the experience of ’you are Crockett’ in these lethal circumstances." Just as that pivotal moment in the film when, notes Mann, "Tubbs says to Crockett, ’Are you aware that the badge is gonna come out, and the fabricated identity and what’s really up are gonna collapse in the same frame? Are you ready for that?’"

On July 28, 2006, audiences can answer just that question.
1.8.06





download :: percepção #082: beijo deserto
26.7.06




download :: percepção #080: hotel xangai
17.7.06





download :: percepção #081: cidade teia
2.7.06




download :: percepção #079: sal negro
27.6.06
_podexplosion

"A Nokia anunciou o lançamento da versão beta do Nokia Podcasting para terminais da série 60.
O software, que permite de modo facilitado a busca e donwload de podcasts, está disponível para o Nokia N91 e outros modelos S60 de terceira geração.
O aplicativo é compatível com recursos de áudio e vídeo dos podcasts."
+ info.

o telemóvel é o passo definitivo para a explosão do podcast. sem dúvida.
_como se diz livro em alemão?

"A Bertelsmann, que em Portugal está presente através da Media Capital, acordou comprar a livraria Bertrand, anunciou hoje a empresa alemã em comunicado.
A Bertrand é a maior empresa do sector a funcionar em Portugal há mais de 270 anos e, a três meses de abrir mais duas grandes lojas – no Campo Pequeno e no Algarve –, soma já 47 espaços em todo o país.
O grupo alemão reforça assim a sua presença em Portugal que, além do sector livreiro - Círculo de Leitores (venda directa de livros), a editora Temas & Debates e a Printer Portuguesa (gráfica, a maior produtora de livros do país) - passa ainda pelo discográfico(detém a editora Sony/BMG) e pela televisão, através da participação de 33% na Media Capital, empresa que gere a TVI. Esta posição na Media Capital é detida através da RTL, que é detida pela Bertelsmann.
O valor do negócio não foi divulgado."
+ info: negócios.pt
17.6.06
_cv

Born: Ben Shalom Bernanke, 1953, in Augusta, Georgia. Grew up in Dillon, South Carolina. Father owned a drugstore.
Family: He and wife Anna have two children, Alyssa and Joel
Education: Excelled at school and became South Carolina spelling bee champion at 11. BA in economics from Harvard University (1975); PhD in economics from Massachusetts Institute of Technology (1979)
Career: Taught economics at Stanford University (1979-1985) and Princeton University (1985-2002); editor of American Economic Review (2001 -2004). Appointed by President George W Bush as governor of Federal Reserve Bank (2002). Chairman of president's Council of Economic Advisers (2005-)

fonte: Guardian




download :: percepção #078: ruido rápido
16.6.06
_cancro

O presidente iraniano, Mahmud Ahmadinejad, voltou hoje a questionar a existência histórica do Holocausto nazi, afirmando em Xangai, China, que o extermínio dos judeus continua a ser um facto por provar.
«Penso que já falámos o suficiente sobre o assunto e que é necessário investigar mais profundamente estes acontecimentos do Holocausto, por partes independentes e imparciais», disse o presidente iraniano.
Ahmadinejad falava em conferência de imprensa após um encontro com o presidente chinês, Hu Jintao, à margem do encontro da Organização de Cooperação de Xangai (OCX).
«Um acontecimento que influenciou tantas equações políticas e diplomáticas mundiaisnecessita de uma investigação conduzida por grupos independentes e imparciais», acrescentou Ahmadinejad, que anteriormente já tinha considerado o Holocausto como «um mito» e afirmado que «Israel deveria desaparecer domapa».Calcula-se que cerca de seis milhões de judeus foram mortos pelo regime nazi alemão, de Adolf Hitler, a partir de 1942 até ao fim da II Guerra Mundial, em 1945, numa operação de extermínio que abrangeu igualmente homossexuais, ciganos, deficientes físicos e mentais, comunistas e outros activistas políticos.
Mahmud Ahmadinejad falava à margem da cimeira de chefes de Estado da OCX, organismo criado em Xangai em Junho de 2001, e que reúne a China, a Rússia, o Cazaquistão, o Quirguistão, o Tajiquistão e o Uzbequistão e na qual o Irão, Paquistão, Índia e Mongólia têm o estatuto de observadores.
Na conferência de imprensa, o presidente iraniano disse que a proposta apresentada pelas grandes potências sobre a crise provocada pelo programa nuclear do Irão é «um passo em frente».
«Consideramos a proposta como um passo em frente e dei instruções aos meus colegas para a examinarem com atenção», disse o presidente iraniano.
«Vamos dar uma resposta em tempo útil, tendo em conta os interesses internacionais da República Islâmica do Irão», acrescentou Ahmadinejad, o mais alto responsável iraniano a dar indícios de que Teerão está disponível para negociar o pacote de incentivos proposto pelos Estados Unidos, Rússia, Reino Unido, França e Alemanha.
A proposta internacional oferece a Teerão cooperação técnica e comercial em troca da paragem do processo de enriquecimento de urânio, que os países ocidentais consideram que tem como objectivo o desenvolvimento de uma arma nuclear.
fonte: agência lusa.
15.6.06
_coreia do norte

a verdade sempre escondida, aqui.
14.6.06
_o beijo

A ausência de leis que regulem a venda on-line de elementos biológicos perigosos permite que qualquer pessoa mal-intencionada possa adquirir livremente na Net os elementos-base para a criação de vírus mortais, alerta a edição de hoje do diário britânico The Guardian.
Para provar a veracidade desta revelação, o jornal revela que encomendou uma curta sequência do ADN da varíola, que depois sujeitou a três pequenas modificações para que se tornasse inofensiva, sendo em seguida enviada para uma morada anónima em Londres.
O jornal indica ainda que o vírus mortal da varíola existe unicamente em laboratórios, desde que a doença foi considerada como erradicada há mais de três décadas. Mas um estudo recente demonstrou que a maior parte das pessoas seria incapaz de resistir a este vírus e que um reaparecimento da doença em apenas dez indivíduos poderá ter capacidade para contaminar até dois milhões de seres humanos em apenas de 180 dias.
O The Guardian indica ainda que fragmentos de ADN da poliomielite e da gripe espanhola podem também ser conseguidos através da Internet usando os mesmos métodos.
+ info
_ infinitu é a casa virtual de [percepções] _programa com residência fixa, no éter da universitária, nas madrugadas de domingo para segunda, às 0horas _para braga e tudo à volta na frequência 97.5 e no ciberespaço, em podcast ou em livestreaming em www.rum.pt.
A minha fotografia
Nome:

Mais informação em www.ocubo.net.


email
nidioamado@hotmail.com


r.u.m.
_o site
_emissão online


podcast
Basta copiar o seguinte endereço para um agregador de podcasts como o itunes ou o juice:
http://feeds.feedburner.com/PercepcoesPodcast
Para subscrever o podcast, directamente, para o itunes basta carregar no seguinte botão:



streaming



downloads: arquivo
percepção #076: circulos cinza
percepção #075: freqência absoluta
percepção #074: diagonal
percepção #073: estação plutão
percepção #072: 360 factorial
percepção #071: secreta cortesia
percepção #070: pulsar solar
percepção #069: para onde sopra o tempo?
percepção #068: tensão matricial
percepção #067: respirar
percepção #066: descompressão
percepção #065: hermético
percepção #064: vectores urbanos
percepção #063: rarefeito
percepção #062: redes neuronais
percepção #061: dias sépia
percepção #045: mundo alfinete
[percepções] :: promo



no ipod



blogs
_100nada
_1988
_7000 nomes
_memoria inventada
_aba heisenberg
_adufe
_agora aconteceu
_a causa foi modificada
_a natureza do mal
_a nu
_abrupto
_almocreve das petas
_aviz
_barnabé
_blog de esquerda
_bomba inteligente
_blogouve-se
_cafeina
_estado civil
_fora do mundo
_fila do meio
_gato fedorento
_homem a dias
_laurinha
_mão invisível
_meia de leite
_o espectro
_terceiro anel
_rádio critica
_ripples of atoms
_rita carmo
_sound + vision
_xanel cinco
_xobineski patruska


blogs»som
_intervencões sonoras
_a_minha_vida_não_cabe_num_disco
_a ampola faz "pop"
_a corneta
_a forma do jazz
_a black mamba
_a tenda dos indios
_a trompa
_o audioescravo
_clube de fans do josé cid
_como no cinema
_coisas do puto
_crónicas da terra
_informação num "cenário artístico"
_hi_tech
_hit da breakz
_o inimigo musical
_ínitma fracção
_janela amarela
_jazz e arredores
_juramento sem bandeira
_laranja amarga
_o som e a fúria
_quark! quark!
_sons do quarto
_som activo
_tape
_vidro azul



links
_r.u.m.
_fórum sons
_rua de baixo
_a puta da subjectividade
_ananana
_o dominio dos deuses
_mondo bizarre
_pedro remy
_perfect sound forever
_pitchforkmedia
_pop matters
_stylusmagazine
_the wire
_bodyspace



arquivo
09/01/2002 - 10/01/2002 / 10/01/2002 - 11/01/2002 / 03/01/2003 - 04/01/2003 / 06/01/2003 - 07/01/2003 / 07/01/2003 - 08/01/2003 / 09/01/2003 - 10/01/2003 / 05/01/2004 - 06/01/2004 / 06/01/2004 - 07/01/2004 / 07/01/2004 - 08/01/2004 / 10/01/2004 - 11/01/2004 / 11/01/2004 - 12/01/2004 / 12/01/2004 - 01/01/2005 / 01/01/2005 - 02/01/2005 / 02/01/2005 - 03/01/2005 / 03/01/2005 - 04/01/2005 / 04/01/2005 - 05/01/2005 / 05/01/2005 - 06/01/2005 / 06/01/2005 - 07/01/2005 / 07/01/2005 - 08/01/2005 / 08/01/2005 - 09/01/2005 / 09/01/2005 - 10/01/2005 / 10/01/2005 - 11/01/2005 / 11/01/2005 - 12/01/2005 / 12/01/2005 - 01/01/2006 / 01/01/2006 - 02/01/2006 / 02/01/2006 - 03/01/2006 / 03/01/2006 - 04/01/2006 / 04/01/2006 - 05/01/2006 / 05/01/2006 - 06/01/2006 / 06/01/2006 - 07/01/2006 / 07/01/2006 - 08/01/2006 / 08/01/2006 - 09/01/2006 / 09/01/2006 - 10/01/2006 / 10/01/2006 - 11/01/2006 / 11/01/2006 - 12/01/2006 / 12/01/2006 - 01/01/2007 / 01/01/2007 - 02/01/2007 / 02/01/2007 - 03/01/2007 / 03/01/2007 - 04/01/2007 / 04/01/2007 - 05/01/2007 / 05/01/2007 - 06/01/2007 / 06/01/2007 - 07/01/2007 /


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons License.



Powered by Blogger







Syndicate this site (xml)